Med-Lar passa a operar 100% celetizada

Desinstalação de algumas filiais, cancelamentos e a não renovação de alguns contratos são os desafios da organização para 2015.

No início de 2015 a Med-Lar concluiu seu processo de reestruturação, que teve como objetivo contratar colaboradores em substituição aos prestadores de serviços e cooperados. Concluído esse processo, a Med-Lar cumpriu a decisão da justiça do trabalho proferida no início de fevereiro de 2014, otimizando sua estrutura operacional e comercial.

Durante a reestruturação, a empresa passou a praticar novos preços que implicaram na não renovação e cancelamento de alguns contratos com clientes, além da desinstalação de algumas de suas filiais. Apesar desses impactos, desde o último trimestre de 2014 a Med-Lar retomou suas atividades comerciais, permitindo a captação de novos pacientes e contratações de novos clientes.

O objetivo da Med-Lar é voltar a crescer recuperando gradativamente sua rentabilidade mas com serviços mais customizados. Segundo publicação da empresa aos seus acionistas houve uma redução de 73,9% no número de pacientes de internação domiciliar (alta complexidade) devido a esse processo de reestruturação, no comparativo entre o último trimestre 2013 e o último trimestre de 2014.

Apesar dos cancelamentos ou não renovações de contratos, a empresa registrou aumento de 23,3% no ticket médio da modalidade de internação domiciliar de alta complexidade, justificada pelos novos preços praticados pela organização.

Já na modalidade de baixa complexidade (procedimentos domiciliares), em doze meses, a receita da empresa foi reduzida em 67,8%, devido a não renovação de clientes que não aceitaram o reajuste nos preços. Essa mesma foi seguida pelo segmento de internações.

O número de pacientes em internação domiciliar que em 2013 era de 460, passou para 120 ao final de 2014. Já a quantidade de pacientes de procedimentos que somava 1.342 em 2013 finalizou 2014 com 465. A empresa encerrou o calendário 2014 com 585 pacientes.

Outro aspecto que sofreu impacto foi a rubrica das despesas gerais e administrativas. Em 2013 as despesas representavam 17,6% das receitas líquidas. Com a celetização esse percentual passou para 41,9% das receitas líquidas, alcançando uma margem EBITDA de -10,3% em 2014.

 

 

About Autor

Conexão Home Care

Portal de Conteúdo e Informações da Atenção Domiciliar no Brasil.

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: