O que é Cuidador?

O Cuidador é o indivíduo que presta cuidados ao enfermo sendo que pode ou não ter vínculo familiar. Existem dois tipos de cuidadores: o formal e o informal (BRASIL, 1999b). O cuidador formal é um profissional preparado em uma instituição de ensino para prestar cuidados no domicílio, segundo as necessidades específicas do cliente (REJANE & CARLETTE, 1996); o cuidador informal, no entanto, é um membro da família ou da comunidade que presta cuidado de forma parcial ou integral.

Este indivíduo deve ser alfabetizado e possuir noções básicas sobre o cuidado do cliente e terá a função de auxiliar e/ou realizar a atenção adequada às pessoas que apresentam limitações para as atividades básicas e instrumentais da vida diária, estimulando a independência e respeitando a autonomia destas (BRASIL, 1999b).

O professor Duarte (1997) afirma que o cuidador é a pessoa que realiza suas atividades aos indivíduos com necessidades de atenção no domicílio. Os professores Leitão e Almeida (2000, p.) descrevem o cuidador como a pessoa que assume a responsabilidade em cuidar proporcionando suporte e visando a melhoria da qualidade de vida da pessoa a ser cuidada.

O professor Mendes (1998) expõe que o cuidador domiciliar se constitui no indivíduo que possui vínculos de parentesco com o doente, e classifica como cuidador principal aquele com maior responsabilidade sobre os cuidados do paciente e o cuidador secundário como aquele que realiza cuidados complementares.