Destaque

Trabalhadores viajam longas distâncias no Home Care

Estudo publicado pela fundação americana de assistência domiciliar (NAHC) e publicado no último dia 15 revela que os trabalhadores do home care se deslocaram 12,88 bilhões de quilômetros para realizar 718 milhões de visitas de atenção domiciliar (dados de atendimento de 2013), uma média de 17,8 quilômetros por cada atendimento.

Segundo o levantamento esses deslocamentos foram realizados especificamente por profissionais de enfermagem e terapeutas que atendem pacientes idosos, deficientes e doentes crônicos nos sistemas de home care dos Estados Unidos.

Os resultados revelaram que o número total estimado de quilômetros dirigidos pelos profissionais aumentou consideravelmente nos últimos anos. Em 2006, por exemplo, o número estimado de quilômetros dirigidos em serviços de assistência domiciliar era de 4,76 bilhões.

De acordo com um comunicado à imprensa local este crescimento pode ser atribuído principalmente aos aumentos no volume de cuidados em casa e na quantidade de provedores de serviços home care.

Um painel apresentado durante a conferência de exposição dos resultados à imprensa destacou que esses indicadores suportam várias recomendações, incluindo o estabelecimento de novas políticas para os serviços de “telehomecare” e de reembolso desses serviços pelos operadores de planos de saúde.

O painel também recomendou a oportunidade de inovações que levem em consideração tecnologias de carro sem motorista (serviço já testado pelo Google nos EUA) para aliviar a carga sobre os trabalhadores que viajam longas distâncias para realizar o atendimento.

No Brasil esses indicadores ainda são completamente desconhecidos, mas abre-se uma brecha para uma profunda reflexão do setor acerca da oportunidade de alavancar tecnologias e propostas de serviços que desonerem o deslocamento dos profissionais da assistência à casa do paciente, exceto quando imprescindível e necessário.

About Autor

Conexão Home Care

Portal de Conteúdo e Informações da Atenção Domiciliar no Brasil.

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: