Homer Care cresce 38%, com 854 empresas no Brasil

Home Notícias Homer Care cresce 38%, com 854 empresas no Brasil
Homer Care cresce 38%, com 854 empresas no Brasil

Dados do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), do Datasus, demonstram que o Brasil tem hoje 854 empresas de Home Care registradas sob a modalidade de “Home Care”. 23% dessas empresas estão localizadas no Sudeste, predominantemente concentradas no estado de São Paulo, que reúne mais de 50% das organizações, onde também se concentram 36% dos beneficiários de planos de saúde, principal fonte pagadora do segmento.

Embora o CNES figure como principal indicador da quantidade de estabelecimentos de saúde, essa referência da quantidade de empresas de home care apresenta margem de erro, pois não são todas as empresas que mantém atualizados os seus cadastros junto às secretarias de saúde. No CNES é possível observar empresas de home care enquadradas indevidamente como “consultórios isolados” e até como centros de especialidades clínicas.

O indicador do Datatus também não apresenta dados dos serviços substitutos existentes, como é o caso de empresas de cuidadores de idosos, de enfermagem domiciliar, de equipes multiprofissional e afins, que muitas vezes prestam alguns dos serviços também oferecidos pelas organizações de assistência domiciliar.

O saldo é um crescimento de 38% no número de empresas de home care em todo o Brasil, aquelas com registro correto junto às secretarias de saúde. Em agosto/2018 o mesmo indicador revelava 618 empresas no segmento.

Já indicadores de desempenho, epidemiológicos, de contratação, entre outros não estão disponíveis em nessa escala. A principal entidade do setor, o Núcleo Nacional das Empresas de Serviços de Atenção Domiciliar (NEAD) dispõe de referenciais de indicadores (o Censo Nead), mas que refletem uma pequena parcela de empresas, essencialmente no universo de suas associadas.

Essa é uma demanda antiga do setor, como enxergar a dimensão do que se está fazendo? e que ainda perpassará 2020 como um desafio.

É cada vez maior o interesse de empreendedores pelo segmento de Home Care, o deve continuar puxando o volume de negócios para cima.

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.